Para trainees advindos da Trilha 2, e que por isso passaram pela etapa de Preferências e Pareamentos:

Se a demissão não decorrer por consequência de mau desempenho ou desalinhamento com os valores do Vetor Brasil e caso o trainee ainda não tenha completado 9 (nove) meses de experiência como trainee, ou não tenha cumprido todas as formações obrigatórias, existe a possibilidade desta pessoa retornar ao processo de indicação e entrevista com governos parceiros.


Para aqueles que já possuem mais de 9 meses experiência como trainee e cumpriram todas as formações obrigatórias, o Programa será considerado como concluído, sem que o trainee fique disponível para pareamentos.


Para que isso o motivo da demissão seja determinado, é importante que seja atestado que a demissão tenha acontecido sem que a(o) trainee pudesse ter evitado. Exemplos são as exonerações em cargos comissionados por acordos políticos ou trocas de gestão, descontinuidade de parcerias entre governo e organizações que apoiam financeiramente trainees ou extinção de bolsas por falta de recurso financeiro, entre outros. 


Além disso, também podem ser consideradas para esse processo pessoas que comprovadamente estejam em uma situação de descumprimento de compromisso por parte do governo, como desvio drástico de funções, ausência de remuneração e ocorrência de assédio moral, sexual ou de qualquer outro tipo.

Para trainees advindos da Trilha 1, e que por isso não passaram pela etapa de Preferências e Pareamentos:


Se a demissão não decorrer por consequência de mau desempenho ou desalinhamento com os valores do Vetor Brasil, e caso o trainee tenha pelo menos 9 (nove) meses completos de experiência no Programa ou cumprido todas as formações obrigatórias, o Programa se dará como concluído.


Independentemente da trilha percorrida

para todos e todas as trainees que tiverem mais de 9 meses de experiência ou tenham cumprido todas as formações obrigatórias, há a possibilidade de buscar ativamente e diretamente nova oportunidade junto a entidades governamentais, caracterizando a autoalocação.

Em casos onde o trainee seja contratado por uma nova entidade governamental no processo de realocação, o Programa será continuado com duração de 12 meses.